Flavio Cruz

A história das almas coloridas (e das sem cor também)


Havia as almas transparentes, que as pessoas antes não viam, só sentiam. Com o passar dos tempos, as pessoas foram perdendo a sensibilidade e as almas precisaram das cores para poderem ser vistas. Algumas se transformaram em almas brancas, cor de leite, outras assumiram um negro brilhante, poderoso. Nada multicolorido, só o básico. Daí, alguém achou, em certa época, que as almas negras poderiam ser usadas para fazer as coisas. E o mundo ficou um lugar triste com essa ideia da separação entre quem serve e quem é servido. Muitos até achavam que as almas brancas eram mais importantes que as outras, pois tinham alguém para servi-las.
Antes disso, porém, algo mais estava acontecendo. Muitas almas estavam mudando de cor. Havia, então, almas vermelhas, amarelas e de muitos outros tantos tons. E havia também uma mistura enorme dessas cores todas. E havia almas que se amavam e outras que se odiavam. Uma policromática confusão. Algumas eram acusadas e condenadas por causa da própria cor, como se elas mesmas tivessem escolhido o seu próprio matiz.
Agora há um grande caos. Parece até que todas as almas estão, na verdade, ficando cinzas. Um cinza estranho e feio. Quem sabe elas se tornem transparentes novamente. É o que se espera. Mas há um receio de que elas fiquem cinzas, todas, para sempre. Ou talvez desapareçam, como acreditam outros. É difícil dizer, esse negócio de almas é muito complicado.

 

Alle Rechte an diesem Beitrag liegen beim Autoren. Der Beitrag wurde auf e-Stories.org vom Autor eingeschickt Flavio Cruz.
Veröffentlicht auf e-Stories.org am 01.10.2015.

 

Leserkommentare (0)


Deine Meinung:

Deine Meinung ist uns und den Autoren wichtig! Diese sollte jedoch sachlich sein und nicht die Autoren persönlich beleidigen. Wir behalten uns das Recht vor diese Einträge zu löschen! Dein Kommentar erscheint öffentlich auf der Homepage - Für private Kommentare sende eine Mail an den Autoren!

Navigation

Vorheriger Titel Nächster Titel


Beschwerde an die Redaktion

Autor: Änderungen kannst Du im Mitgliedsbereich vornehmen!

Mehr aus der Kategorie"Politics & Society" (Kurzgeschichten)

Weitere Beiträge von Flavio Cruz

Hat Dir dieser Beitrag gefallen?
Dann schau Dir doch mal diese Vorschläge an:

Crônica de um amor de Carnaval - Flavio Cruz (Life)
Pushing It - William Vaudrain (General)